sábado, 15 de agosto de 2009

COLEGAS DE PROFISSÃO...


Hoje, numa esplanada em Vilamoura, um Consultor Filosófico perguntava a um colega de profissão: "O que devo fazer quando também eu preciso de uma consulta filosófica?"

2 comentários:

jorgeferrorosa disse...

Uma consulta filosófica, nem mais. Nesse diálogo talvez pudessem encontrar a solução para o problema e numa vertente prática colocar ao serviço, sendo a filosofia prática a solução da teoria. Quantos não precisam de uma consulta filosófica? Quantos? Já dizia o grande filósofo Sócrates "Conhece-te a ti Próprio". Vamos a isso, Jorge, parabéns por este blog, porque está excelente. Abraço

Jorge Ferro Rosa

. disse...

Muito obrigado pela participação.

Mas deixe-me tentar perceber melhor a sua reflexão: considera que o colega de profissão deverá pagar a consulta na integralidade? Ou deverá haver um preço especial?

Cumprimentos,