quinta-feira, 25 de junho de 2009

Metro de Londres oferece dose diária de filosofia

Turistas e residentes que a partir desta quinta-feira utilizem o metro de Londres vão ouvir frases célebres de filósofos como Jean-Paul Sartre, Mahatma Ghandi e Albert Einstein. O objectivo é transmitir a mensagem de que não é essencial chegar rapidamente à estação de destino.
A ideia partiu do Serviço de Transportes londrino, que encarregou o vencedor do prémio Turner de Arte Contemporânea Jeremy Deller a compilar as melhores reflexões filosóficas para «humanizar» o trajecto do metro.
«A vida é mais do que aumentar a velocidade», de Mahatma Ghandi, ou «um tropeço previne a queda», do escritor britânico Thomas Fuller, são algumas das frases que os passageiros irão ouvir.
Num primeiro momento, a ideia de Deller era substituir os tradicionais anúncios sobre a situação das linhas por essas «lições de filosofia». No entanto, ficou decidido que os dois tipos de mensagens serão alternados.
Segundo a responsável pelo projecto, Sally Shaw, o objectivo é «melhorar a interacção» entre os utilizadores e «fazer fluir os pensamentos que cada um tem durante a viagem».

Fonte: Diário Digital

Sem comentários: